NOSSOS LIVROS

O ENIGMA DO CAMALEÃO

Guto Lins

Ilustração e design: Guto Lins

Livro interativo Jogos de linguagem e grafismo

ISBN 978-65-89723-14-1 17,5 x 25,5 cm – 40 pg.

Se você gosta de enigmas, que tal dar uma de detetive para tentar encontrar Tito, o camaleão, que desapareceu sem deixar rastros? Será mesmo que não deixou rastros? Aguce a curiosidade, Kid Leitor, e não tropece em armadilhas. Cuidado com os labirintos. Não se apresse, as pistas estão aí para você se encontrar com Tito, o esperto camaleão.

ATÉ 5 ANOS

O malvado

Tatiana Belinky

Ilustração: César Landucci

Autoimagem, identidade e afetividade — Até 5 anos.

ISBN: 978-85-7272-221-1 —23 x 28 cm — 24 pg.

De vez em quando o espelho é um grande amigo: como é gostoso ver nossa imagem refletida! Outras vezes, cheio de azedume, nos acusa sem piedade: orelhas de abano, tanajura, nariz de tomada, cabelo ruim… Amigo fiel e generoso ou inimigo mesquinho e invejoso?

Que cansaço!

Tatiana Belinky

Ilustração: Ana Terra

Comportamento e afetividade — Poesia infantil — Até 5 anos.

ISBN: 978-85-67789-03-3 —20 x 26 cm — 24 pg.

Tem gente que acorda alegre, outros acordam de mal com o mundo e outros ainda acordam cansados, cansados… devem estar cansados de tanto dormir! E é sobre o cansaço de estar cansado que Tatiana Belinky fala, jocosamente, neste livro. Como a autora sempre acordava disposta e de bom humor, ela se sentiu à vontade para brincar com esses cansaços, que de trabalho pesado não têm nada.

Selecionado e adquirido pela SMESP para o Programa Acervo Complementar EI.

Maria Bonita

Ducarmo Paes

Ilustração: Jefferson Galdino

Cultura popular — Poesia acumulativa — Até 5 anos.

ISBN: 978-85-67789-03-3 —20 x 26 cm — 24 pg.

Com o mote, “Maria Bonita, o que leva na mala?” o poema se desenrola cumulativamente , transformando uma simples mala num quase baú, de peso incomensurável. Assim as crianças vão conhecendo o jeito de Maria Bonita viajar, levando coisas de uso pessoal e afetivo, e entre elas, um tesouro impossível de ser deixado em casa: um livro de histórias.

Selecionado e adquirido pela SMESP para o Programa o Acervo Complementar EI.

Barafunda

Korney Chukovsky

Francesca Yarbusova Galdino

Tradução: Blekiss Rabello

Ética e valores — Poesia infantil — Até 5 anos.

ISBN: 978-85-7272-318-3 —31 x 21 cm — 32 pg.

Os gatinhos, cansados de miar, queriam guinchar como os porquinhos; os patinhos, coaxar como rãzinhas; os pintinhos, grasnar; os pardaizinhos, mugir como as vacas; o urso, a cantar como o galo e o cuco, a ladrar como um cão… O mundo dos bichos virou de ponta-cabeça. Nada e nem a ninguém ouviam. Precisou de um quase desastre para que os doidos animais percebessem o importante papel de cada um na natureza e voltassem a seu estado original.

Também capa dura (ISBN: 978-85-7272-320-6).

Língua viperina: desmancha-prazeres / O otimista: é fácil

Tatiana Belinky

Ilustração: Jefferson Galdino

Ética e valores — Poesia infantil — Até 5 anos.

ISBN: 978-85-67789-06-4 —21 x 28 cm — 32 pg.

Este livro é tão criativo que possui duas capas, dois pontos de vista sobre o humor, ou seja, dois livros num só. Se você começar pela capa de Língua viperina, encontrará pessoas que colocarão por terra todas as qualidades dos outros. Se, no entanto, optar pela capa de O otimista, as diversidades de cada um ou as inseguranças se transformarão em possibilidades de superação. Ambos, o desmancha- prazer e o otimista, se encontrarão na página 16. Nesse caso o culpado será mesmo o mordomo, como se fala popularmente?

Que horas são?

Guto Lins: texto e ilustração

Família e afetividade — Conto infantil — Até 5 anos.

ISBN: 978-85-7272-280-3 —21 x 28 cm — 24 pg.

Antes de aprender a ler as horas no relógio, as crianças sabem que existe “a hora de acordar, de almoçar, de lanchar, de jantar e de dormir”. É disso que trata o livro. A partir das atividades rotineiras, a criança se familiariza com a passagem do tempo, preparando-a para a leitura dos ponteiros do relógio.

Selecionado e adquirido pelo PNLD – Leituras Complementares – MEC/FNDE, pelo Programa Ler e Escrever – SEESP, pela SME de BH para o Programa Kit Escolar  e pela SMESP para os Programas  Minha Biblioteca e Acervo  Complementar EI.

VóMi, VóLi e eu – No parque

Mirna Pinsky

Ilustração: Ricardo Dantas

Família e afetividade — Conto infantil — Até 5 anos.

ISBN: 978-85-7272-180-06 —23 x 28 cm — 24 pg.

Nada como férias de pai e mãe. Mi e Li aproveitam e se mudam para a casa do netinho. Até Tango, o cão, se anima e entra na bagunça. VóLi desembarca com prancheta, pincéis e tintas. VóMi, com histórias malucas e vontade de cantar. A casa é pequena para tanta confusão. O mundo é grande. O parque, não tão grande quanto o mundo, recebe todos de braços abertos. Manhã de sol, avós animadíssimas, menino doido para voar, cão namorador….

Adquirido pela SEESP para o programa PNLD.

Palavras

Guto Lins: texto e ilustração

Jogos de linguagem — Poesia infantil — Até 5 anos.

ISBN: 978-85-7272-294-0 —21 x 28 cm — 40 pg.

Os livros são feitos de palavras e imagens. E as palavras são feitas de letras. As letras, por outro lado, também podem se transformar em belas imagens. Neste livro as letras se transformam em imagens e as palavras, em poemas. Os poemas procuram abusar do nonsense e do humor, duplos sentidos que pretendem instigar a inteligência do leitor, levando-a a criar hipóteses e a recriar o que está implícito em cada quebra-cabeça.

Selecionado e adquirido pela SME de BH para o Programa Kit Escolar e pela SMESP para o Programa Acervo Complementar.

Qual é a cor?

Guto Lins: texto e ilustração

Jogos de linguagem — Advinhas — Até 5 anos.

ISBN: 978-85-7272-254-4 —21 x 28 cm — 32 pg.

Cores, desenhos e textos conversam com o leitor, desafiando-o a ir além da resposta conhecida, incitando-o a descobrir que, por trás do óbvio, há leituras inesperadas. Por exemplo, se te perguntarem qual é a cor do Mar Vermelho, não adianta responder “vermelho” porque suas águas são azuis, azuis…

Selecionado e adquirido pela FBN/MINC para o Programa Mais Cultura e pela SMESP para o Programa Acervo Inicial EI..

Rola, tatu-bola

Ducarmo Paes

Ilustração: Jefferson Galdino

Esporte— Poesia infantil — Até 5 anos.

ISBN: 978-85-7272-322-0 —20 x 26 cm — 32 pg.

O tatuzinho desta história é um personagem muito divertido e inteligente. Porém, para se desviar dos que lhe querem fazer mal, ele tem que ser esperto também. E isso ele é mais que tudo. Sem se deixar prender, ele vive suas aventuras com alegria, para deixar aos leitores lindas mensagens de liberdade, bondade e amor à natureza. .

Origamiando – Poesias em origami

Josué Franco

Ilustração: Josué Franco

Lazer — Poesia infantil — Até 5 anos.

ISBN: 978-85-67789-05-7 —18 x 26 cm — 24 pg.

Neste livro há dez poemas, homenageando animais pequenos como o gatinho, o galo, o sapo, a galinha, a borboleta, o peixinho, a joaninha; animais grandes como a girafa e a zebra e também um objeto como a casa, fácil de construir. As ilustrações, muito coloridas, nasceram dos origamis, técnica oriental de dobrar papéis, criando formas de animais, flores e outros objetos que, associados ao recorte e à colagem, resultaram num original trabalho artístico.

Pra que serve o Zero?

Ana Vicente

Ilustração: Madalena Matoso

Tradução: Ciça Alves Pinto

Sociabilidade e afetividade — Conto infantil — Até 5 anos.

ISBN: 978-85-7272-233-9 —24 x 24 cm — 32 pg.

Os números 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8 e 9 se achavam muito importantes… Não sabiam para que servia o Zero. Até o dia em que, nas brincadeiras, tiveram que usar as dezenas. Aí descobriram que o Zero não era, como eles pensavam, um intruso nas brincadeiras.

Selecionado e adquirido pela Fundação Ayrton Senna para o Programa Acelera e pela SEESP para o Programa Ler e Escrever.

O mágico, o rei e o futuro rei

Michele Iacocca: Texto e ilustração

Sociabilidade e valores — Conto infantil — Até 5 anos.

ISBN: 978-85-7272-234-6 —23 x 28 cm — 32 pg.

Num reino imaginário e distante vive um pequeno mágico que faz bolhinhas de sabão que enchem o céu de magia, sonhos, alegrias e desejos futuros.  Então, chega o rei, que se julgava o dono do tempo, junto com seu soldado, o dono da ordem. Conseguirá o rei, tal qual o mágico, projetar seu futuro nas simbólicas bolhinhas de sabão? E o que um simples mágico terá para ensinar ao poderoso  dono do tempo em relação à construção de um futuro melhor, mais divertido e mais feliz?.

Selecionado e adquirido pela FBN/MINC para o Programa Mais Cultura, pela SME de Belo Horizonte para o Programa Kit Escolar e pela SMESP para o Programa Minha Biblioteca..

A PARTIR DE 6 ANOS

O tesouro de D. José e outros contos

Josué Montello

Ilustração: Paola Brunelli

Afetividade — Conto infantil — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-67789-17-0 —23 x 16 cm — 64 pg.

Neste livro 7 contos, 7 encantos, escrito por Josué Montello, especialmente para jovens leitores. Em cada conto um deslumbramento e muitas reflexões. Como explicar, por exemplo, que as águas cristalinas do rio Itapecuru se tornassem douradas do dia para a noite? 

O velhinho que virou criança

Antonio Hohlfeldt

Ilustração: Renato Alarcão

Afetividade — Biografia poética — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-262-9 —21 x 28 cm — 48 pg.

Antonio Hohlfeldt que conviveu com o ser humano e sempre conheceu o poeta, selecionou significativas passagens da trajetória de Mario Quintana, cujos poemas e narrativas comprovam os fatos e enriquecem  a delicada trama deste livro. Quem vira criança tem o futuro pela frente e assim o poeta Mario Quintana se eterniza em sua vasta e magnífica obra.

Selecionado e adquirido pela SMESP para o Programa Minha Biblioteca e pela SEESP para o Programa Ler e Escrever.

Portinholas

Ana Maria Machado

Pinturas: Portinari; Ilustração: Luísa Martins Baêta Bastos; Fotos: Ana Maria Machado.

Afetividade — Conto infantil — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-261-2 —21 x 28 cm — 48 pg.

Como chegar ao mundo dos sonhos onde portas, portinhas e portinholas se abrirão para todas as brincadeiras possíveis sem limites para a imaginação? Um dos caminhos está no livro Portinholas. O caminho da menina foi também um livro lindo: Portinari. Lá ela encontrou meninas prontas para a festa. Meninos pulando carniça, soltando pipas, se balançando, jogando futebol. Palhacinhos brincando nas gangorras. Céu estrelado enfeitado de balões e pipas. Céu azul, azul-Portinari.

Leitura Altamente Recomendável – FNLIJ e finalista do Prêmio Jabuti. Selecionado e adquirido pelo MEC/FNDE para o PNBE.

O curandeiro Sara-Bafai

José Nascimento

Ilustração: Mirian Malzyner

Afrodescendência — Conto tradicional — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85 -7789-16-3 —26 x 23 cm — 38 pg.

Sara-Bafai percorreu um longo caminho para encontrar o verdadeiro sentido de sua vida. Na juventude, foi exímio lutador. Em seguida, tornou-se caçador. Convivendo com a floresta e os seres que nela habitam algo novo aconteceu. Percebeu que os animais eram mais do que simples presas e que apenas os necessários à alimentação de sua numerosa família deveriam ser abatidos. Esse novo jeito de encarar a natureza colocou Sara-Bafai frente a frente com um universo mágico, desconhecido até então.

A ovelha negra

Bernardo Aibê

Ilustração: Mariana Massarani

Autoimagem, identidade e afetividade — Conto infantil — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-299-5 —23 x 28 cm — 24 pg.

Tita, a ovelha negra, queria ser branca como todas as suas amigas, por isso era uma ovelha infeliz. E quanto mais infeliz ficava, mais diferente se sentia. Por viver só pensando nisso, o mundo se resumia à sua dor. E como ninguém nasceu para ser infeliz, Tita terá que descobrir que a aparência nem sempre traz a felicidade.

Selecionado pelo Núcleo de Relações Étnico-raciais da SME de Belo Horizonte para o Programa de Literatura Afro

O leão que achava que era domador

Nelson de Oliveira

Ilustração: Graça Lima

Autoimagem, identidade e afetividade — Conto infantil — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-136-3 —20 x 26 cm — 32 pg.

Naquele circo ninguém se contentava com o que era: o domador achava que era leão, o pequinês achava que era pastor alemão. À noite, às escondidas, o engolidor de fogo se vestia de trapezista e a trapezista se vestia de engolidora de fogo. Até a bola, uma simples bexiga, jurava que era de capotão… E, nesse faz-de-conta, todos se engalfinhavam, lutando para ser o que não eram. Como ninguém se encontra por acaso, foi nesse circo que o leão foi procurar emprego… de domador.

Selecionado e adquirido pela Fundação Ayrton Senna para o Programa Acelera e pela SME de Goiânia para o Programa Bibliotecas Municipais.

Pisca-tudo

José Clemente Pozenato

Ilustração: Ricardo Dantas

Autoimagem, identidade e afetividade — Conto infantil — A partir de 6 anos.

ISBN: 978- 85-7272-133-9 —23 x 28 cm — 24 pg.

Pisca-tudo conta a história do encontro de Januário, um homem cheio de ideias, com um besouro vaidoso e apaixonado. E como a paixão é um sentimento que rejeita limites e adora extravagâncias, Januário terá que ser muito paciente e criativo, para contentar o besouro de casco lustroso, doido para ser diferente.

Selecionado pela FNLIJ para o Programa Livros Animados do Canal Futura.

Fogãozinho – Culinária infantil em histórias para as crianças aprenderem a cozinhar sem usar faca e fogo

Frei Betto e Maria Stella Libanio Christo

Ilustração: Regina Rennó

Culinária — Conto infantil — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-276-6 —20 x 26 cm — 64 pg.

Maria Stella e Frei Betto, em Fogãozinho, alimentam jovens leitores. A mãe, com os apetitosos sanduíches, canapés e outras delícias nacionais e internacionais. Para matar a sede, sucos naturais de frutas brasileiras. Completando a refeição, mousses, geladinhos, cocadinhas, espuma de morangos e outros doces de dar água na boca. Frei Betto, o filho, alimenta os leitores com as histórias da turma do Fogãozinho.

Adquirido pela Fundação Nestlé para o Programa Nutrir.

Saborosa viagem pelo Brasil – Limonada e sua turma em histórias e receitas a bordo do Fogãozinho

Frei Betto e Maria Stella Libanio Christo

Ilustração: Cláudia Scatamacchia

Culinária — Livro de receitas — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-200-9 —21 x 28 cm — 48 pg.

Saborosa viagem pelo Brasil mostra como nosso país é grande e criativo. Reflete também sobre a possibilidade de todos os brasileiros terem o suficiente para viver com dignidade. João Limonada e seus amigos, a Turma do Fogãozinho, sob a batuta de Maria Benta, convidam você para uma viagem de dar água na boca, do Norte ao Sul do Brasil.

Adquirido pelo Programa Nutrir, da Fundação Nestlé. Selecionado e adquirido pela SEE de Goiás para o Programa Cantinho da Leitura.

Caveirinhas

Jeosafá

Ilustração: João Pinheiro

Cultura popular — Lenda — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-65-89723-12-7 —20 x 26 cm — 24 pg.

Quem nunca ouviu falar do Homem do Saco? Ah, você nunca ouviu? É simples. É uma história de medo que os adultos contavam para as crianças não saírem de casa sozinhas, nem darem confiança a pessoas estranhas — duas coisa muito perigosas, não é mesmo? Mas o que nem você nem ninguém sabia era que o Homem do Saco tinha uma esposa, uma carroça e um cavalo — e que até preferia não ter ninguém na rua para ser pego, afinal, ele não gostava muito de trabalhar e queria também chegar em casa cedo. Mas esses abusadores…

Lampião no céu

Eliana Carneiro: Texto e ilustração

Cultura popular — Teatro— A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-315-2 —16 x 23 cm — 64 pg.

O tenente João Bezerra mata Lampião com um tiro certeiro. Dois anjos atrapalhados são encarregados de descer à Terra e resgatar o novo hóspede e levá-lo para o universo celeste. Só depois dos interrogatórios de rotina e do encontro com São Pedro é que se saberá se Lampião gozará ou não do descanso celestial. “Lampião no céu é uma divertida incursão pelo imaginário nordestino. Mas baseia-se, também, em fatos verídicos e documentados. Faz referência às festas populares. (…) Evoca a literatura de cordel, narrativa popular composta em versos, que com frequência relata os feitos de Lampião.” (Lígia Cademartori) Será que as portas do céu se abrirão para essa controvertida figura da História brasileira?

Leitura Altamente Recomendável – FNLIJ. Selecionado e adquirido pela SEESP para o PNLD.

O tambor do Mestre Zizinho

Wilson Marques

Ilustração: Dedê Paiva

Cultura popular — Conto infantil— A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-275-9 —21 x 28 cm — 32 pg.

Zizinho, garoto maranhense, morador de uma comunidade quilombola, era muito curioso. Não entendia por que o lugar onde morava era tão visitado por pessoas de outras cidades, outros estados e também de outros países. Quem não sabe pergunta. E Zizinho era um perguntador sem descanso. Em busca de respostas, foi à casa da professora Joci que, mesmo ocupada, entendeu a curiosidade do menino. E foi além, desafiou o garoto a ajudá-la na recuperação das tradições do lugar, tão admiradas pelas pessoas de fora e tão esquecidas pelas da comunidade. Começariam com uma das festas significativas , o Tambor de Crioula. E ninguém melhor do que o Mestre Bié para liderar a retomada de tão antiga tradição. Zizinho abraçou a causa sem titubear. De perguntador se transformou em um dos líderes da comunidade.

Nem tudo está azul no país azul

Gabriela Rabelo

Ilustração: César Landucci

Ética e valores — Teatro — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-202-5 —14 x 21 cm — 56 pg.

Você conhece a história de Romeu e Julieta? Os dois se amavam, mas a inimizade das famílias impediu a felicidade do casal. Neste livro, o Romeu se chama Leo e a Julieta, Lina. Leo era da família dos vermelhos e Lina, da família dos amarelos. Eles eram de um país em que as cores não podiam se misturar. Leo e Lina se amavam. Terão um final trágico como Romeu e Julieta? Leo e Lina são garotos como vocês, portanto, cheios de imaginação e criatividade, ingredientes que não podem faltar nos relacionamentos amorosos e também nas amizades.

O cavaleiro do sonho – As aventuras e desventuras de Dom Quixote de la Mancha

Ana Maria Machado

Ilustração: Pinturas de Candido Portinari

Ética e valores — Reconto— A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-251-3 —21 x 28 cm — 56 pg.

Em O Cavaleiro do sonho – As aventuras e desventuras de Dom Quixote de la Mancha, Ana Maria Machado rende homenagem aos que ousam sonhar com um mundo melhor. Para isso lança mão de duas obras máximas. A de Miguel de Cervantes, Dom Quixote de la Mancha, e a de Candido Portinari, a série Dom Quixote, criada há mais de 50 anos. Ao recontar a obra clássica de Cervantes, o narrador reconstrói a história em torno de significativos episódios do Quixote original e, por meio deles, conversa com o jovem leitor sobre a singularidade de certos homens que, lutando contra moinhos de vento, arriscam a própria vida para o bem da humanidade. Assim como fizeram o legendário D. Quixote e o contemporâneo Candido Portinari.

Leitura Altamente Recomendável – FNLIJ. Selecionado e adquirido pelo MEC/FNDE para o PNBE e pela SME de Recife para o Programa Manuel Bandeira.

Ai, que sono

Jeosafá

Ilustração: João Pinheiro

Família — Conto acumulativo — A partir de 6 anos.

ISBN: 976-65-89723-12-7 —20 x 26 cm — 24 pg.

O conto acumulativo é tão antigo que sua origem se perde na noite do tempo. Transmitido oralmente de geração a geração, chegou ao Brasil junto com os portugueses, desde então, faz a alegria de toda gente.  Nele, acontecimentos se encadeiam em séries às vezes extensas para construir uma história quase sempre bem-humorada. Bater palmas e contar cantando faz parte da magia do conto acumulativo. Este Ai, que sono, de Jeosafá e João Pinheiro, descobrimos como uma simples ação descuidada pode causar uma tremenda confusão, e como outra simples ação, esta consciente, pode pôr tudo novamente em seu lugar.

Lá em casa tem um bebê – E pra que serve?

Guto Lins: Texto e ilustração

Família e afetividade — Conto infantil — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-287-2 —21 x 28 cm — 40 pg.

Quem é esse que está chegando e que todo mundo diz que é uma gracinha? Ele não tem graça nenhuma. Não fala, não anda, não brinca. Só chora. O nome dele vai ser Buzina, isso sim! Um cachorrinho que seria legal. A gente ia brincar até. Você sabe pra que serve esse bebê? O tempo vai contar para o garoto pra que serve o irmão.

Selecionado e adquirido pela SMESP para o Programa Salas de Leitura.

O guarda-chuva da professora

Januária Cristina Alves

Ilustração: César Landucci

Família e afetividade — Conto infantil — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-278-0 —21 x 28 cm — 24 pg.

Quer saber o que cabe no guarda-chuva da professora? Ela própria e a classe inteira, por exemplo. Mais giz, lápis de cor, lanche gostoso,tanque de areia e até trepa-trepa. Só não tem lugar para a chuva. O mundo todo se acomoda nesse objeto de espaço surpreendente. O guarda-chuva idealizado pela autora configura uma paródia dos esforços, do carinho e da ternura que um docente dedica à sua turma. Uma merecida homenagem a quem abriga o universo dentro da sala de aula.

Texto de 4ª capa Tatiana Belinky. Selecionado pela FNLIJ para o Acervo Básico da FNLIJ. Selecionado e adquirido pela SEESP para o PNLD e pela SMESP para o Programa Complementar EI

Um conto que não é reconto

Yolanda Reyes

Ilustração: Patrícia Gwinner

Tradução: Ruth Rocha

Família e afetividade — Conto infantil — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-235-3 —21 x 28 cm — 32 pg.

No começo era do tamanho de uma ervilha, dentro do peito, o barulho de um trenzinho… Fazia o que bem entendia: nadava, dormia, acordava, chupava o dedo, treinava pontapés e dava reviravoltas… E crescia, crescia dentro da casa-barriga… Até que um dia se cansou de tanta estripulia. O que mais queria era que a porta do mundo se abrisse… E ela se abriu para receber o bebê novinho, enrugadinho, com olhos da cor dos gatos e as mãos apertadinhas…

Texto de 4ª capa Tatiana Belinky. Selecionado pela FNLIJ para o Acervo Básico da FNLIJ. Selecionado e adquirido pela SEESP para o PNLD e pela SMESP para o Programa Complementar EI.

A ira do curupira

José Arrabal

Ilustração: Maurício Melo e Gil Vasques

Indígena — Conto infantil — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-286-5 —20 x 24 cm — 64 pg.

A ira do curupira conta a história de Cairi, o menino que tinha pressa de crescer. Ser criança era pouco para ele. Chegar à idade adulta, sem o rito de passagem, parecia fácil para o curumim. Ao lutar contra o tempo, Cairi não percebia o quanto estava preso à infância. Convivia com a contradição dos que estão entre a infância e a adolescência: ao mesmo tempo em que se amedrontava com as lendas do boto e do curupira, se emocionava com as histórias de amor e desencontros contadas por sua mãe e sua avó.

Selecionado e adquirido pela SEESP para o PNLD.

As pegadas do Kurupyra

Yaguarê Yamã

Ilustração: Uziel Guaynê

Indígena — Conto infantil — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-244-5 —21 x 28 cm — 40 pg.

Tuim, o indiozinho, andava muito triste. Ao se mudar com sua família para as imediações do rio Abacaxis, se distanciou de todos os amigos. Kurukawa, o pequeno kurupyra, também sentia falta de um amigo para brincar e cuidar da natureza. Tuim queria ser um grande caçador, respeitado por sua força e ousadia. Kurukawa queria apenas proteger a floresta, preservar a mãe natureza. Quem procura um amigo acaba encontrando. Descobriram-se seres diferentes. Tuim caçava e se alimentava de carne. Kurukawa ressuscitava os animais mortos, curava os doentes e alimentava-se de frutas. Na diferença, a aprendizagem. Ambos tinham muito para ensinar um ao outro.

Selecionado e adquirido pela SME de BH para o Programa Kit Escolar.

As peripécias do jabuti

Daniel Munduruku

Ilustração: Ciça Fittipaldi

Indígena — Conto infantil — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-228-5 —21 x 28 cm — 32 pg.

Em As peripécias do jabuti, o velho pajé conta três histórias. Nas três o principal personagem é o jabuti, símbolo da paciência, constância e da perseverança em vencer os desafios. Seus adversários – a raposa, a onça e o veado catingueiro –, mais espertos, mais fortes e mais rápidos, estão tão preocupados com suas habilidades pessoais que se esquecem de que, se há obstáculos que se vencem com força física, há outros mais difíceis que se vencem com o pensamento e a inteligência.

Selecionado e adquirido pela SEESP para o Programa Ler e Escrever.

Coisas de onça

Daniel Munduruku

Ilustração: Ciça Fittipaldi

Indígena — Conto infantil — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-290-2 —28 x 21 cm — 40 pg.

Coisas de onça são histórias que ensinam às crianças como superar desavenças e hostilidades por meio da negociação, evitando o confronto e o enfrentamento, e que a respeitabilidade torna-se mais duradoura, se conquistada em grupo e não individualmente. Também ensinam que encontrar saídas verdadeiras para situações complicadas é difícil, mas ajuda a desenvolver a inteligência.

Leitura Altamente Recomendável – FNLIJ. Selecionado e adquirido pela SME de BH para o Programa Kit Escolar.

Historinhas marupiaras

Elias Yaguakãg

Ilustração: Uziel Guaynê e Elias Yaguakãg

Indígena — Conto infantil — A partir de 6 anos.

ISBN: 9978-85-7272-291-9 —17 x 24 cm — 48 pg.

Em Historinhas marupiaras, o autor Elias Yaguakãg, indígena do Amazonas, nos mostra., por meio de suas histórias, que a felicidade individual só tem sentido, se contribuir para a felicidade do grupo. E que pessoas felizes, sem rancor no coração, formam com os outros seres da natureza, uma forte corrente de harmonia e solidariedade. Em “Pé pro Mato” seres humanos e animais irracionais devem ser respeitados em suas escolhas, ainda que à primeira vista o ser humano tende a se sentir superior aos bichos e a exigir deles um comportamento humano que os animais desconhecem. No conto “Os três irmãos e a fera”, quem não é o mais forte tem que se valer da astúcia, sagacidade e esperteza para garantir a felicidade do grupo social.

Selecionado e adquirido pela SEE do Rio de Janeiro para integrar o Programa Kit Literário Indígena.

Mapinguary – O dono dos ossos

Yaguarê Yamã

Ilustração: Uziel Guaynê

Indígena — Lenda — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-67789-00-2 —16 x 23cm — 40 pg.

Neste livro, sete contos enfocando entidades malévolas muito temidas no universo indígena: Pókwára, a monstrenga de mãos furadas; Mapinguary, o terrível monstro comedor de carne humana; Zuruãga, aquele que vagueia, apreciador das noites escuras e luas cheias, dos nevoeiros e temporais noturnos; Mati tapewéra, o que aparece sob a forma de uma mulher velha, de um garoto maltrapilho ou de um pássaro negro; Jougororou, o que assombra e come as pessoas; Tipuã, transformado pela magia numa entidade devoradora de pessoas e, por fim, um ser maldoso que adquire o aspecto físico de pessoas desaparecidas para devorar os parentes.

Selecionado e adquirido pela SEE do Rio de Janeiro para integrar o Programa Kit Literário Indígena.

Forrobodó no forró

Elias José

Ilustração: Michele Iacocca

Jogos de linguagem — Poesia infantil — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-277-3 —21 x 28 cm — 40 pg.

Com humor e musicalidade, Elias José retoma velhos temas – a Cigarra e a Formiga, o Cravo e a Rosa – e lhes dá nova e surpreendente roupagem poética. Em voos leves e breves o poeta desafia o jovem leitor a refletir a respeito da riqueza da diversidade: “Como o mundo seria sem graça, se a comida tivesse um só sabor!”. Com irreverência desmonta máximas consagradas “em boca fechada não entra mosquito” e relê com olhos de hoje provérbios de ontem “quem espera sempre alcança”. O livro presta uma justa e delicada homenagem à Tatiana Belinky, a grande dama da literatura infantil, com “Limeriques”, poema que finaliza Forrobodó no forró, de Elias José.

Selecionado e adquirido pelo MEC/FNDE para o PNBE, pela SME de BH para o Programa Kit Escolar e pela SEESP para o   Programa Ler e Escrever.

Nó na língua

Jeosafá

Ilustração: João Pinheiro

Jogos de linguagem — Trava-língua — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-297-1 —23 x 23 cm — 24 pg.

Os trava-línguas são muito divertidos e desenvolvem de maneiro lúdica as habilidades de linguagem oral. Aqui, além das trapalhadas de pronúncia e risos que os trava-línguas proporcionam, as ilustrações são divertidíssimas de uma qualidade de encher os olhos, o que estimula o interesse da leitura pela beleza das imagens. A criança em fase inicial de alfabetização ou letramento sente feliz em aprender a ler a partir do lúdico e do despertar do senso estético.

Tiri-biri-biri-bis

Tatiana Belinky

Ilustração: Victor Tavares

Jogos de linguagem — Poesia infantil — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-323-7 —20 x 26 cm — 24 pg.

Você já pensou numa palavra bem intrometida que sirva para definir quase tudo nesta vida? Se você pensar bem, é claro que tem. Eu aposto que sim: tiri-biri-biri-bem! Do jeito dos repentes e dos desafios, a autora convida a criança a improvisar, usando de preferência o nonsense, a subversão da lógica cotidiana, não se esquecendo da rima e do tiri-biri-biri – …palavra mágica que dá encanto e humor ao último verso e às vezes espanto: tiri-biri-biri-banto! Em versos de 7 sílabas, os quartetos (estrofes de quatro versos) brincam com coisas e pessoas do cotidiano, sem nenhum compromisso com a lógica da realidade.

Selecionado e adquirido pela SMESP para os Programas Acervo Complementar EF e Acervo Complementar EI.

Crônicas de papel – Razões para gostar de ler

Januária Cristina Alves

Livro e leitura — Crônica — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-293-3 —16 x 23 cm — 80 pg.

Elis, a protagonista da história, não é muito amiga dos livros, mesmo tendo nascido num lar intelectualmente favorável para se tornar uma leitora. Diferente da mãe, leitora e mulher apaixonada por tudo, Elis sente que lhe falta o ímpeto e a paixão que vê em Larissa, sua melhor amiga e em outras pessoas. “Onde uma pessoa sem razões para ler pode encontrar cem razões para ler?, pergunta-se com frequência. Usando essa dúvida como mote, passa a prestar mais atenção nas conversas da amiga Larissa, leitora voraz, e nos eventos culturais promovidos pela escola, especialmente nos encontros com escritores. A incansável Larissa falava de autores e de livros como se todos fossem seus companheiros inseparáveis. Os autores, por outro lado, falavam de suas memórias de leitura e de como autores e livros influenciaram seu jeito de escrever e de olhar o mundo. Elis vai se aproximando devagar desse novo universo, certa de que responderá à sua questão inicial.

Selecionado pela SECULT para o Programa de Ação Cultural do Estado de São Paulo (PROAC).

Maricota e o mundo das letras

Frei Betto

Livro e leitura — Conto infantil— A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-265-0 —21 x 28 cm — 40 pg.

O que são os livros e os brinquedos sem a curiosidade das crianças? Objetos silenciosos e adormecidos à espera de alguém que os desencante. E Maricota abriu sua caixa de letras, presente da avó… Todas tão quietas e tão coloridas. De repente, se viu conversando com o Alfabeto, seu novo amigo. E muitas foram as descobertas. Quem podia imaginar que as palavras podem ser alegres, tristes, quentes e frias? E que, com apenas 26 letras, bilhetes, cartas, livros de muitas e poucas páginas podem ser escritos? Ao acordar e desencantar sua caixa de letras, Maricota teve despertado seu desejo de ler e escrever, de se comunicar com universos próximos e distantes…

Selecionado e adquirido pela SMESP para o Programa Acervo Complementar EI.

A história dos dois filhotes de quati e dos dois filhotes de homem

Horacio Quiroga

Ilustração: Mariana Massarani

Tradução: Zé Rodrix

Meio ambiente — Conto infantil — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-282-7 —22 x 31 cm — 32 pg.

Era uma vez um quati que tinha três filhos. Um deles adorava besouros cascudos. O outro, laranjas. O terceiro era doido por ovos. Na selva era fácil encontrar besouros. Como viviam numa laranjeira, o segundo não precisou sofrer para achar seu alimento preferido. O terceiro, que só gostava de ovos, poderia ir a todos os lugares. A mãe, porém, lhe deu um conselho: nunca vá buscar ninhos no campo, porque é perigoso. E avisou a todos: cuidado com os cães. Atrás deles vem o homem com um grande barulho que mata. Faminto, o terceiro se aventurou em campo aberto. A fome era mais forte que o conselho da mãe. E no campo aberto encontrou um ovo tão grande que era impossível resistir a ele. À primeira mordida, a dor profunda causada pela armadilha. Chegou o cão. E também o homem. E os louros filhotes de homem…

Árvores das cidades

Rubens Matuck

Ilustração: Rubens Matuck; Fotos: Guilherme Maranhão

Meio ambiente — Não ficção — A partir de 6 anos.

ISBN: : 978-85-7272-252-0 —28 x 28 cm — 40 pg.

Você sabia que do cambuci, fruto que emprestou seu nome a um bairro de São Paulo, fazia-se antigamente uma deliciosa geleia? E que o fruto do sabão-de-soldado foi usado, durante a Guerra do Paraguai, para lavar uniformes? Há neste livro curiosidades muitas curiosidades mais.

Leitura Altamente Recomendável – Livro informativo – FNLIJ.

As meias dos flamingos

Horacio Quiroga

Ilustração: Eduardo Albinit

Tradução: Cíntia Moscovich

Meio ambiente — Conto infantil — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-311-4 —22 x 31 cm — 32 pg.

Numa época em que os bichos falavam, houve uma grande festa no céu. Uma das atrações eram as cobras-coral que, vestidas com grandes véus de gaze vermelho, branco e preto dançavam feito serpentinas, levando o público ao delírio. Os flamingos, além de serem os únicos que não souberam como se enfeitar, se apaixonaram pelas cobras. E saíram à procura de meias vermelhas, brancas e pretas, para chamar atenção das amadas. Voltaram enfeitados tal como queriam. E dançaram, dançaram, até que, exaustos, não aguentaram mais. As cobras, então, foram verificar bem de pertinho que meias tão lindas eram aquelas. Quando descobriram, pobres flamingos, estão até hoje com as patas vermelhas. E continuam com medo das cobras-coral.

A menina e o elefante

Frei Betto

Ilustração: Caco Galhardo

Meio ambiente e afetividade — Conto infantil — A partir de 6 anos.

ISBN: : 978-85-7272-247-6 —20 x 26 cm — 40 pg.

Quem é que não gosta de bichos de estimação? Uns preferem gatos. Outros preferem cachorros. Mariana gostava mesmo era do Afrânio, um elefante dançarino, equilibrista e músico. Da sua tromba-clarineta nasciam as mais doces melodias. Os moradores do prédio achavam Afrânio uma aberração. As músicas, um horror. Mariana enfrenta um dilema: abrir mão de suas preferências ou lutar com unhas e dentes para defender seu amigo? Você acha que é fácil ser diferente, numa comunidade que preza, acima de tudo, a unanimidade?

Selecionado e adquirido pela FBN/Minc para o Programa Mais Cultura e pela Fundação FACEV de Viçosa para o Programa Bibliotecas – Mais Literatura.

A lenda do rei Sebastião e o touro encantado

Wilson Marques

Ilustração: Dedê Paiva

Sebastianismo — Cordel — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-300-8 —16 x 23 cm — 40 pg.

Um fato trágico – a morte do rei Sebastião, no Norte da África, aos 24 anos – transforma-se em mito no imaginário popular português. O mito ultrapassa fronteiras e chega ao Brasil, no Maranhão, na ilha de Lençóis. O jovem rei reaparece como um touro encantado, animal errante e sofredor. Ao ser libertado da magia, São Luís do Maranhão será tragado pelas águas e o jovem rei voltará triunfante a Portugal.

Selecionado e adquirido pela SEESP para o Programa Livros na Escola – Ler e Escrever. Direitos de tradução para a língua árabe adquiridos pela Sphinx Publishing do Cairo, Egito.

Uribi – A madrinha das palavras

María del Pilar Quintero

Ilustração: Orlando Pedroso

Tradução: Catarina Meloni

Sociabilidade e inclusão — Conto infantil — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-67789-18-7 —24 x 24 cm — 24 pg.

Uribi, a madrinha das palavras, é um livro escrito para crianças, cuja figura central da narrativa (Uribi) representa um modelo de identificação do feminino para meninas e uma referência do feminino para os meninos. Isso é particularmente importante para as características da heroína: uma viajante do universo ativa, corajosa e generosa que fornece às crianças as sementes das palavras, ou seja, a linguagem com a qual as pessoas se comunicam e se expressam por meio das palavras. Entretanto, Uribi, sempre muito trabalheira e ocupada, não dá conta, muitas vezes, de entregar as sementes a todas as crianças. As que nascem sem as sementes, as surdas-mudas, também se comunicam e se expressam com a ajuda de suas famílias (pais, tios, avós, primos) e amigos por meio de gestos e de um alfabeto específico, as libras. E Uribi garante que ambas as crianças podem ser igualmente felizes, quando contam com o apoio e amor de seus familiares e amigos. Uribi, a fada-madrinha, trabalha incansavelmente como todas as mulheres.

Selecionado e adquirido pela SMESP para os programas Inicial EI, Acervo Complementar EI e Acervo Complementar EF.

A abelhinha folgada

Horacio Quiroga

Ilustração: Ivan Zigg

Tradução: Catarina Meloni

Sociabilidade e trabalho — Conto infantil — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-289-6 —22 x 32 cm — 32 pg.

A folgada abelhinha adorava voar livremente, alimentando-se de todo o néctar que colhia das flores. Malandrinha, não se preocupava em trabalhar como as demais colegas de colmeia. Queria apenas saborear sua liberdade. Até o dia em que as portas da colmeia se fecharam: quem não trabalha não entra. Expulsa, a abelhinha foi obrigada a enfrentar a falta de comprometimento com seu grupo. Lutando para sobreviver, numa noite fria e chuvosa, deparou com o maior dos obstáculos: a cobre verde de costas alaranjadas, pronta para dar o bote e comê-la. A cobra lhe propôs um desafio, certa de que seu banquete seria bem doce. Se não lançar mão da inteligência, a abelhinha sabe que suas horas estarão contadas. E essa foi, para a abelhinha, sua noite decisiva.

Selecionado e adquirido pela SEESP para o Programa Leituras na Escola.

.

Coisa & tal

César Landucci

Ilustração: Denise Autran (fotos)

Trabalho e consumo — Conto infantil — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-255-1 —23 x 16 cm — 32 pg.

Você sabia que a gente só percebe a utilidade das chaves quando ficamos trancados para fora? Que dentro da caneta cabem todos os pensamentos do mundo e também todas as palavras e todas as letras? Que o sapato é muito útil quando anda em par e que um sapato sozinho não anda, pula? Que quem não gosta muito do martelo são os pregos, que ficam levando marteladas na cabeça o dia inteiro?

.

Faz de conta no jardim

Jeosafá

Ilustração: João Pinheiro

Trabalho e consumo — Conto infantil — A partir de 6 anos.

ISBN: 978-85-7272-255-1 —23 x 16 cm — 32 pg.

A matemática está em toda parte mesmo! Se a gente tiver paciência e observar os insetos de um jardim, vai se espantar: primeiro aparece uma abelha, depois outra e mais outra. Uma pousa numa flor, outra vai embora levando o néctar que colheu. De cima da roseira muitas formigas picotam uma folha, outras , lá embaixo, apanham os picotes e em fila os levam para suas tocas. Se a gente começar a contar, não acaba nunca mais, porque vai uma, vem outra. Vão umas, vêm muitas. Porém, nesse jardim em que quem conta faz de conta, o que acontecerá à roseira se as abelhas levarem todo o néctar e as formigas cortarem todas as folhas?

Selecionado e adquirido pela SEESP para o Programa Livros na Escola – Ler e Escrever.

.

A PARTIR DE 11 ANOS

Diário de um apaixonado – Sintomas de um bem incurável

Fabrício Carpinejar

Ilustração: Rodrigo Rosa

Afetividade — Diário — A partir de 11 anos.

ISBN: 978-85-7272-243-8 —21 x 28 cm — 80 pg.

Com linguagem simples, bem-humorada e sem preconceitos, Fabrício Carpinejar captura a intimidade sigilosa e atrapalhada de um apaixonado. Este é um livro que seduzirá os que sucumbem à paixão, jovens e adultos; afinal, o apaixonado é um adolescente, não importa a idade. Todo apaixonado sofre uma transformação apoteótica de personalidade, vive num tempo de suspensão e num espaço muito distante da prosaica realidade dos seres comuns.

Selecionado e adquirido pelo MEC/FNDE para o PNBE – MEC, pela Fundação Itaú Social para o Programa Itaú Criança – Biblioteca Itaú. Direitos de tradução para a língua árabe adquiridos pela Sphinx Publishing do Cairo, Egito.

.

A lenda do belo Pecopin e da bela Bauldour em HQ

Jeosafá

Ilustração: João Pinheiro

Amor adolescente — HQ — A partir de 11 anos.

ISBN: 978-85-67789-07-1 —21x 28 cm — 72 pg.

Este conto nasceu durante as viagens de Victor Hugo pelas cercanias do rio Reno, na Alemanha, cujas paisagens belíssimas e sugestivas – nas quais pontuavam ruínas de castelos da Idade Média mergulhados em mistérios e presságios – serviram de pano de fundo para personagens românticas, envolvidas em paixões agudas e enredadas numa trama cheia de aventuras fantásticas. Da velha Europa – mergulhada nas Cruzadas – ao Oriente Médio intemporal envolto em maravilhas – nobres, reis, magos, entes demoníacos, sultões, escravas e toda a sorte de obstáculos se interpõem entre o amor de Pecopin e Bauldour, cuja duração … só o tempo dirá.

.

O Espelho de Machado de Assis em HQ

Jeosafá

Ilustração: João Pinheiro

Autoimagem e identidade — HQ — A partir de 11 anos.

ISBN: 978-85-7272-304-6 —21 x 28 cm — 64 pg.

Neste livro você encontrará o conto integral de Machado de Assis (“O espelho – Esboço de uma nova teoria da alma humana”); uma Apresentação explicando como foi feita a adaptação para HQ; uma análise da obra de Machado de Assis (“Machado de Assis ao espelho”); e uma Bibliografia (que informa o leitor sobre as fontes de pesquisa e o orienta a buscar sempre fontes confiáveis). O volume tem 64 páginas, a capa é em papel cartão, as letras são em tamanho bastante confortável para a leitura e a parte em HQ é toda em preto e branco, criando um clima de mistério, suspense e meeeeedoooooo! Espelhos seduzem, atraem, instigam, mas uma coisa é certa: mentem, pois jamais eles nos devolvem nossa imagem verdadeiramente definitiva (ou ela está invertida, ou o distorcida). Isso ocorre em parte pela natureza enganadora dos espelhos, em parte por não sermos definitivos (mudamos o tempo todo). Quem disser que está totalmente satisfeito com sua imagem refletida no espelho não terá motivo para olhar-se neles nuca mais na vida. Alguém acredita nessa hipótese?

Selecionado e adquirido pela SEE de PE e pelo MEC/FNDE para o PNLD 2021.

O jovem lê e faz teatro

Gabriela Rabelo

Ilustração de capa: Eduardo Albini

Autoimagem e identidade — Teatro — A partir de 11 anos.

ISBN: 978-85-7272-236-0 —16 x 23 cm — 144 pg.

Neste livro de temas diversificados, “descobrir o que está submerso nas falas“ é apenas um dos desafios lançados aos jovens. Muitas vezes o que está oculto nas entrelinhas revela as faces do ser humano e da sociedade. Um meio eficiente de encarar a realidade, tomar consciência e se transformar é a dramatização. Ao dramatizar, o ator e o espectador jovens deparam com comportamentos, emoções e sentimentos tão arraigados que no dia a dia passam despercebidos. Viver o personagem é estar no lugar do outro. Esse jogo de alteridade, tão rico no teatro, aguça a sensibilidade e a percepção, oferecendo ao jovem a oportunidade de se repensar criticamente, de se questionar como pessoa e cidadão.

Selecionado pela SECULT de São Paulo para integrar o PAC – Programa de Ação Cultural, adquirido pelo MEC/FNDE para o PNBE e pela SEESP para o Programa Salas de Leitura.

O trem vem… O trem vai…

Ducarmo Paes

Ilustração de capa: Jefferson Galdino

Autoimagem e identidade — Poesia infantil — A partir de 11 anos.

ISBN: 978-85-67789-02-6 —20 x 26 cm — 24 pg.

O trem não para, gente embarcando e desembarcando. Dentro do trem muitas pessoas, uma diferente da outra, na aparência física e no jeito de lidar com seus semelhantes e com elas mesmas. Com as pessoas o trem também se enche de sonhos, esperanças e alegrias. Quando as pessoas saem, será que elas levam também seus sonhos e esperanças? Ou estes ficam dentro do trem para animar o coração dos que estão entrando?

A grande viagem

Mirna Pinsky

Ilustração: César Landucci

Autoimagem, identidade e afetividade — Conto infantil — A partir de 11 anos.

ISBN: 978-85-7272-217-3 —16 x 23 cm — 80 pg.

Na infância, uma família aparentemente estruturada: o pai, a mãe e os três filhos, Marcelo, Vicente e Jô. O pai, único provedor, se apaixona por uma mulher mais nova e abandona a família. A mãe ainda jovem e sem perspectiva profissional, passa a trabalhar como operária numa fábrica para sustentar os filhos. A família desmorona e escancara seus problemas: as crises de bronquite da garotinha Jô, as dificuldades de Vicente na escola, as crises de Marcelo para enfrentar a adolescência, o contato com as drogas e sua incapacidade para se afastar delas. Nesse contexto, três vozes conduzem a narrativa.

Selecionado e adquirido pela SEE de Goiás para o Programa de Bibliotecas.

Ana Pedro

Miguel Jorge

Ilustração: Rogério Borges

Autoimagem, identidade e afetividade — Novela juvenil — A partir de 11 anos.

ISBN: 978-85-7272-263-6 —16 x 23 cm — 136 pg.

Ana torna-se Pedro no dia do nascimento. Thomás, o pai, exige de Madalena um menino, momentos antes do parto. A parteira Ozana não titubeou: apresentou ao pai a nudez de Ruiter, nascido no mesmo dia, na casa ao lado. Thomás sentiu-se mais homem e Ana abdicou de sua feminilidade. Pedro cresceu sob o olhos orgulhosos do pai e com ele aprendeu as artes do universo masculino. A adolescência, porém, explodiu e com ela os sinais da existência de Ana. Pedro quer ser Ana, sem perder o amor do pai. O pai terá que enfrentar o seu monstro interior: o autoritarismo.

Selecionado e adquirido pelo MEC/FNDE para o PNBE e pela SEESP para o Programa Salas de Leitura – SEESP.

Aprendendo a crescer

Álvaro Cardoso Gomes

Ilustração: Ricardo Leite

Autoimagem, identidade e afetividade — Novela infantojuvenil — A partir de 11 anos.

ISBN: 978-85-7272-284-1 —16 x 23 cm — 80 pg.

Aprendendo a crescer conta a história de Edu, um garoto em fase de crescimento, com as dúvidas e as certezas características dessa idade. Acostumado a transgredir os limites, teoricamente impostos pelos pais, acreditava que sempre seria possível arrumar um jeito de escapar das dificuldades. Até o dia em que o pai decidiu mudar o rumo de sua vida. Ao trocar a estabilidade financeira da carteira assinada por novas opções profissionais, o pai de Edu provocaria uma revolução, abalando antigas estruturas. E agora: lutar contra a nova ordem ou aprender a crescer?

Selecionado e adquirido pela SMESP para o Programa Salas de Leitura.

O ca(u)so do colar Arco-íris

Flavio de Souza

Ilustração: Adalberto Cornavaca

Autoimagem, identidade e afetividade — Novela infantojuvenil — A partir de 11 anos.

ISBN: 978-85-7272-155-X —16 x 23 cm — 64 pg.

“Eu sou muito feia e gostaria de ter nascido menino para não ter de usar os vestidinhos ridículos que a minha mãe compra pra mim.” Assim começa a história do Quinteto de Ouro, narrada por Ifigênia, a Dez de Ouros. Há também a Dama, o Valete, o Rei e o Ás. O Quinteto nasceu para arrecadar fundos para o Orfanato Santa Dominique. Valia tudo: de serviços de baby-sitter, conserto de aparelhos elétricos e eletrônicos, show da banda a atividades detetivescas. A cidade estava em festa e em sobressalto. Em festa, por conta da exposição das joias da princesa ABC, da Ruritânia e, entre elas, o cobiçado colar Arco-íris. Em sobressalto, por causa da espetacular fuga da detenta Brigitte Saint-Tropez. Está pronta a receita: o orfanato necessitando de fundos; Brigitte, de olho no colar; a polícia, de olho em Brigitte. Como Ifigênia é adepta de surpresas e alquimias, ao leitor serão reservados desafios inesperados.

Selecionado e adquirido pelo PNLD – SEESP. Selecionado e adquirido pelo Programa de Bibliotecas – SEE de Goiás.

Os anos terríveis

Yolanda Reyes

Tradução: Catarina Meloni

Autoimagem, identidade e afetividade — Romance infantojuvenil — A partir de 11 anos.

ISBN: 978-85-67789-11-8 —14 x 21 cm — 174 pg.

Neste livro, três vozes femininas desafiam você, jovem leitor a refletir sobre sua própria infância e adolescência.  Com quem se identificar: com Juliana, a prima mais velha que, ao buscar sentido para sua vida, opta por um caminho inesperado; com Valéria, a prima do meio, que pouco conversa e menos ainda se enturma; com Luzia, a mais nova que, para ser amada, disputa todos os espaços das afeições familiares? Ou será, jovem leitor, que você não carrega dentro si um pouco de cada uma: a impetuosidade de Juliana, a sensação de ser diferente do rebanho como Valéria, e a necessidade de preencher as carências afetivas como Luzia?

Melhor tradução – FNLIJ. Selecionado e adquirido pela SEE de Recife.

Os buracos negros

Yolanda Reyes

Tradução: Catarina Meloni

Autoimagem, identidade e afetividade — Novela infantojuvenil — A partir de 11 anos.

ISBN: 978-85-7272-272-8 —14 x 21 cm — 48 pg.

No dia do seu aniversário de oito anos, Juan ganha o melhor dos presentes, o desejado passeio ao Bosque de Neblina, lugar carregado de encantos e mistérios, até então proibido para ele. Desde que ficou órfão, ainda muito pequenino, Juan vive com sua avó, que cuida dele e o protege não só dos perigos da vida presente, mas das recordações do passado que cercam a sua infância. Todas as noites Juan escuta maravilhado as histórias que a avó lhe conta como forma de povoar o mundo do neto com os seres da imaginação e armar ao seu redor um escudo imaginário de proteção. A avó teme que fatos dolorosos do passado o alcancem, afinal, ele é um menino e precisa ser cuidado e protegido. O que acontecerá?

Selecionado e adquirido pela SMESP para o Programa Minha Biblioteca.

Eleição ou guerra

Jeosafá

Ética, valores e cidadania — Novela infantojuvenil — A partir de 11 anos.

ISBN: 978-65-67789-19-4 —14 x 21 cm — 64 pg.

Em uma escola (que poderia ser a sua) um professor (que poderia ser o seu) provoca os alunos (entre os quais poderia estar você) a realizar um trabalho coletivo em que eles precisam desenvolver suas próprias opiniões sobre uma questão decisiva: Qual o melhor meio de se resolver conflitos e disputas: no grito e à força – cujo limite extremo é a guerra – ou com diálogo e civilizadamente – cuja normalidade é a eleição? Ocorre que entre os alunos há partidários sinceros da primeira e da segunda alternativa. Ambos os lados se agarram com toda a força a seus argumentos e lutarão por eles o quanto puderem. Que resultado se pode colher de dois grupos envolvidos num debate de opções são tão antagônicas? Todas a questões podem ser resolvidas pacificamente? Se a guerra não é alternativa, por que os seres humanos vivem em guerra? De que lado você fica nessa discussão?

Selecionado e adquirido pela SMESP para o Programa Minha Biblioteca.

Iara e a Arca da Filosofia

Maurício Abdalla

Ética, valores e cidadania — Romance infantojuvenil — A partir de 11 anos.

ISBN: 978-65-67789-19-4 —14 x 21 cm — 64 pg.

Imagine que, num dia comum, um estranho animalzinho saia da tela da televisão e convide você para uma aventura que marcará para sempre sua vida. Imagine que as coisas de seu mundo e a sua vida adquiram um outro sentido e você se encontre, de repente, desafiado a enfrentar enigmas e a mostrar toda a coragem e a sabedoria que nem sequer imaginava que possuía. Como você se sentiria ao encontrar-se em um universo habitado por criaturas engraçadas, inteligentes, com poderes mágicos e com o destino do mundo nas mãos? A aventura de Iara e seu encontro com a misteriosa Arca da Filosofia irá conduzir você e seus amigos a esse mundo fantástico, em que lêmures, corujas, cães, galinhas e pavões são os protagonistas.

Selecionado e adquirido pela SEE de Goiás para o Programa de Bibliotecas.

A lenda do Vale do Sono

Washington Irving

Medo e mistério — Conto gótico — A partir de 11 anos.

ISBN: 978-85-67789-10-1 —12.5 x 20 cm — 56 pg.

Chega a este Vale do Sono  – lugar moroso, recheado de superstições e medo das noites escuras – o professor Ichabod Crane que atiça a inveja e a ira dos locais, por atrair a atenção das mulheres com sua educação e seu refinamento superiores, num lugar onde predominam os hábitos adquiridos sem reflexão e  a má educação escolar.  Este professor, um tipo glutão mas magro, educado mas estúpido, supersticioso e covarde, leitor assíduo de Cotton Mather, mais conhecido por sua participação no sombrio julgamento das “Bruxas de Salém”, atrai especialmente o desgosto de “Brom Bruto”, o pretendente da graciosa e rica Katrina Van Tassel, garota a quem Crane visita com o pretexto de ensinar música.  O embate entre o simplório professor e o rude Brom Buto acontecerá numa noite escura, propícia à aparição mais aterradora do vale, o cavaleiro sem cabeça, logo após a grande festa na mansão dos Tassel.

Hermenegildo, um vampiro diferente

Miriam Portela

Medo e mistério — Novela infantojuvenil — A partir de 11 anos.

ISBN: 978-85-67789-12-5 —18.5 x 26cm — 56 pg.

Todo mundo sabe que duas coisas não combinam: a pele branca e fria dos vampiros e o sertão ensolarado e calorento. Esta história, porém, pode provar que as coisas não são bem assim. Um pequeno acidente de percurso acaba levando a família de Hermenegildo para um destino dos mais inesperados, mas que proporcionará a riqueza das grandes lições sobre amizade e confiança para o “garoto mais velho do planeta”. Acompanhe as venturas e desventuras que a família do garoto terá que enfrentar para se adaptar e viver tranquilamente em uma terra nova e, afinal das contas, tão especial.

Selecionado e adquirido pela SMESP para o Programa Acervo Inicial EF.

O enterro prematuro

Edgar Allan Poe

Medo e mistério — Conto gótico — A partir de 11 anos.

ISBN: 978-85-7272-268-1 —13 x 20cm — 44 pg.

Há um ditado bretão que diz: Os deuses me livrem de perseguição, prisão e… de ser enterrado vivo. Este é o tema do conto clássico de Edgar Allan Poe, O enterro prematuro. Julgando sofrer de catalepsia, o protagonista apresenta todos os sintomas da doença que se agudizam conforme o tempo passa. Atormentado por agonias, morbidez e pelos devaneios sobre a morte, deixa-se envolver por toda a espécie de pensamentos sinistros. Na tentativa de diminuir seus temores, adaptou a cripta familiar com sinos, cordas, entradas de ar, para recebê-lo morto e, ao acordar, voltar triunfalmente ao convívio social. Melhor seria recompor o ditado bretão: Os deuses nos livrem das obsessões causadas pelo medo da morte pois, se não as colocarmos para adormecer, embalando-as com delicadeza, seremos devorados por elas.

Selecionado e adquirido pelo MEC/FNDE para o PNBE.

O mistério da pegada vermelha

Luiz Antonio Aguiar

Medo e mistério — Novela infantojuvenil — A partir de 11 anos.

ISBN: 978-85-7272-317-6 —16 x 23 cm — 64 pg.

Suspense… quem teria deixado aquela pegada vermelha, ainda fresquinha, no sótão fechado há cinco anos, desde a morte de seu Nonô? – entremeado com os relacionamentos familiares (amor e o respeito aos mais velhos), com o encontro de três gerações de mulheres (avó, mãe e filha pré-adolescente), com a catarse da perda de um ente querido (apego de Beta ao avô) e com a descoberta da afetividade amorosa na pré-adolescência..

José João, rimador sangue bão! Independência & Sorte

Pedro Vicente

Ilustração: Zélio e Luw

Protagonismo juvenil — Conto infantil — A partir de 11 anos.

ISBN: 978-85-7272-271-1 —16 x 23 cm — 40 pg.

José João não precisava de muito esforço para tirar boas notas. O amor, porém, fez do garoto um matador de aulas. Recreio sim e outro também, lá estava José João trocando ideias intermináveis com sua amada… No final do ano, a surpresa: ou tirava dez em História do Brasil ou levava bomba! O que esse espírito livre e apaixonado faria com a Independência do Brasil? Recontaria em versos livres e cheios de bom humor os fatos históricos: da chegada da família real à “Independência ou morte”! Fértil de imaginação, José João recheia sua poética história com proezas e aventuras de um príncipe que, apaixonado como ele e vestindo a camisa do povo brasileiro, liberta nosso país do domínio português. Entre uma rima e outra, eis que José João descobre que “saber o passado ajuda a entender o presente para se jogar no futuro com mais domínio de bola”… Cumprida a missão, voltaria triunfante aos braços de sua amada!